terça-feira, 29 de outubro de 2013

RKC Waalwijk (0-0 vs. Ajax 26.10.2013)

Erwin Koeman

Substituições:

69’ Schet por 6 Jungschlager (MAE);

82’ Joachim por 15 Tavares;

90’ Anderson por 14 Slager;


Coletivo:

Bloco baixo;

25% posse de bola


Variações táticas:

Joachim e Schet trocam de flanco entre si;


Individual:

1 Seda (GR): Reflexos apurados; Seguro;

5 Amieux (DE): Cobra livres diretos;

18 Beauguel (ACD): Forte fisicamente; Pouca qualidade técnica; 

Ajax (0-0 vs. RKC Waalwijk 26.10.2013)

Frank De Boer
Substituições:


50’ Schöne por 2 Van Rhijn (DD);

69’ Sigthórsson por 23 Hoesen (PL);

80’ De Jong por 18 Klaassen (MO);


Coletivo:


Jogo paciente, com circulação de bola;

Bloco alto, com os centrais a jogarem no meio-campo adversário;

75% posse de bola


Individual:


22 Cillessen (GR): Conquistou a titularidade a Vermeer neste início de temporada;

20 Schöne (DD): Lateral-direito adaptado; Cobra cantos de ambos os lados e livres laterais;

24 Denswil (DCE): Bate livres diretos com o pé esquerdo;

17 Blind (MCD): Envolve-se mais no ataque que Poulsen; Habitual lateral-esquerdo, esta temporada tem sido experimentado no meio-campo;

25 Serero (MCE): Rotativo, com pulmão e dá a impressão de estar em todo o lado; Entrega-se ao jogo;

10 De Jong (MO): Capitão; Cobra livres;

7 Fischer (EE): Flete da esquerda para o meio, puxando a bola para o seu pé direito; Desequilibra com as suas mudanças de velocidade;

9 Sigthórsson (PL): Não se fixa na área contrária, envolve-se no ataque; Forte na antecipação, especialmente no jogo aéreo;


Ausências:

Sente-se a falta da criatividade e dinâmica de Eriksen;

Alderweireld transferiu-se para o Atlético Madrid, Boerrigter para o Celtic e Sulejmani para o Benfica;

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Ajax (1-2 vs. Celtic 22.10.2013)

Frank de Boer
Substituições:

68’ Poulsen por 15 Boilesen (DE);

72’ Fischer por 34 De Sa (ED);

80’ Van Rhijn por 20 Schöne (DD);


Coletivo:

Só Cillessen, Poulsen e Sigthórsson não foram formados no clube;

Muita circulação de bola e futebol apoiado;

57% posse de bola;

Elementos do setor defensivo abrem muito espaço entre si;


Variações táticas:

Blind passou para trinco com a entrada de Boilesen;

Anderson transitou do flanco direito para o esquerdo com a entrada de De Sa;


Individual:

22 Cillessen (GR): Ganhou a titularidade a Vermeer esta temporada;

24 Denswil (DCE): Com capacidade para sair a jogar;

17 Blind (DE/MDEF): Tem algumas fragilidades técnicas;

5 Poulsen (MDEF/MCD): Baixa até entre os centrais para iniciar a construção; Equilibra a equipa; Já sem a rotação de outros tempos; Seguro e assertivo mas sem rasgos individuais;

25 Serero (MCE): Rotativo; É quem mais se liberta no duplo pivot;

10 Siem De Jong (MO): Aproxima-se muito do ponta-de-lança; Cobra livres diretos; É o playmaker;

7 Fischer (EE): Apenas 19 anos; Flete da esquerda para o meio para puxar a bola para o seu pé direito; Aponta cantos do lado esquerdo;

9 Sigthórsson (PL): Tem remate espontâneo;

34 De Sa (ED): Verticaliza a partir do flanco direito;

20 Schöne (DD): Cobra cantos de ambos os lados;


Ausências:

Salienta-se a transferência da sua principal estrela, Eriksen, para o Tottenham;

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Egito 2014 (Onze-Tipo)

Bob Bradley

Gana 2014 (Onze-Tipo)

James Kwesi Appiah
Individual:

Asamoah Gyan (AC): Pode ser um nº 9 clássico ou jogar mais solto: velocidade, potência, inteligência de movimentos e remate.

Majeed Warris (AC): Móvel;

Costa do Marfim 2014 (Onze-Tipo)

Sabri Lamouchi
Coletivo:

Sucessivos contra-ataques;


Individual:

Tioté (MC): Médio de pulmão, corte e saída de bola;

Serey Dié (MC):  Médio de pulmão, corte e saída de bola;

Yaya Touré (MO): Mais adiantado em relação ao que faz nos clubes;  Médio de pulmão, corte e saída de bola;

Nigéria 2014 (Onze-Tipo)

Stephen Keshi

Etiópia 2014 (Onze-Tipo)

Sewnet Bishaw
Coletivo:

Procuram jogar sempre apoiado;


Individual:

Germa (MC): Forte a defender, nos lances divididos, e a conduzir a bola com bons pormenores técnicos; Tem pulmão;

Megersa (MC): Forte a defender, nos lances divididos, e a conduzir a bola com bons pormenores técnicos; Tem pulmão; Fisicamente muito forte (193 cm e 82 kg);

Bekele (AC): Avançado fixo;

Salahdin Said (AC): Móvel, foge às marcações, mas é débil fisicamente;


Ausências:

Kedebe;

Equador 2014 (Onze-Tipo)

Reinaldo Rueda
Individual:


Walter Ayovi (DE): Veloz mas com sentido posicional;

Noboa (MCD): Capacidade de segurar e fazer circular a bola;

Castillo (MCE): Impõe-se fisicamente;

Jefferson Montero (MAE): Falso ala esquerdo que faz diagonais, finta, mete diferentes velocidades e surge no meio a rematar;

Caicedo (ACD): Poderoso fisicamente;

Enner Valencia (ACE): Móvel; Atua como segundo-avançado; Inteligente a recuar, procurar os melhores espaços e fugir à marcação;

domingo, 20 de outubro de 2013

CSKA Moscovo (0-2 vs. Zenit 18.10.2013)

Leonid Slutsky
Substituições:

54’ Zuber por 88 Doumbia (PL);

63’ Tosic por 31 Vitinho (EE);


Variações táticas:

Musa passou para extremo-esquerdo após a entrada de Doumbia, e posteriormente para extremo-direito com a entrada de Vitinho;


Individual:

1 Chepchugov (GR): Reflexos apurados;

24 Vasili Berezutskiy (DCD): Forte de frente para a bola, mas lento em acompanhar a velocidade das desmarcações dos adversários; Batido com alguma facilidade em bolas nas costas;

4 Ignashevich (DCE): Forte de frente para a bola, mas lento em acompanhar a velocidade das desmarcações dos adversários; Batido com alguma facilidade em bolas nas costas;

23 Milanov (MCE): Médio de ligação;

7 Honda (MO): pé esquerdo muito bom; Playmaker da equipa, é quem pauta os ritmos;

21 Tosic (ED): Flete da direita para o meio, com a bola dominada no pé esquerdo;

8 Zuber (EE): Flete da esquerda para o meio;

Zenit (2-0 vs. CSKA Moscovo 18.10.2013)

Luciano Spalletti
Substituições:


55’ Arshavin por 17 Shatov (ED);

70’ Shirokov por 20 Fayzulin (MDEF);

87’ Danny por 34 Bystrov (EE);


Coletivo:

Muita circulação de bola;


Individual:


19 Smolnikov (DD): Ganhou o lugar a Anyukov; Tem vocação ofensiva;

13 Neto (DCD): Forte a sair a jogar; Tecnicamente muito competente para um defesa-central;

4 Criscito (DE): Regressou recentemente após lesão prolongada;

28 Witsel (MCE): Elegante e certeiro no passe com bola; muito pressionante sem bola; Corre muitos quilómetros por jogo;

23 Arshavin (ED): Na fase descendente da carreira; Normalmente não titular;

10 Danny (EE): Flete com frequência para zonas interiores; rápido e agressivo;

7 Hulk (PL): Cobra livres diretos (em força ou em jeito, com o pé esquerdo);

20 Fayzulin (MDEF): Tem tido funções mais defensivas esta temporada;


Ausências:

Kerzhakov (lesão)

sábado, 5 de outubro de 2013

Torino 1948/49 (Onze-Tipo)

Erno Erbstein

Mónaco 2013/14 (Onze-Tipo)

Claudio Ranieri

Manchester United (1-1 vs. Shakhtar Donetsk 02.10.2013)

David Moyes
Substituições:

66’ Fellaini por 11 Giggs (MC);

90+2’ Welbeck por 4 Jones (MDEF);


Coletivo:

Posse de bola: 46%;

Nível de jogo longe do que habituou os adeptos;


Variações táticas:

Fellaini e Cleverley variam em quem joga como interior direito e interior esquerdo;


Individual:

15 Vidic (DCE): Central experiente;

16 Carrick (MDEF): Referência na recuperação de bola; Joga simples;

31 Fellaini (MCD): De elevada estatura, é forte no jogo aéreo; 8.82km percorridos em 66’;

25 Valencia (ED): extremo de movimentos verticais;

19 Welbeck (EE): Foge do seu flanco e aparece com frequência na zona central;

20 Van Persie (PL): Cobra cantos do lado direito (pé esquerdo); Móvel;

11 Giggs (MC): Geralmente mais adiantado que Carrick e Cleverley;

Shakhtar Donetsk (1-1 vs. Manchester United 02.10.2013)

Mircea Lucescu
Substituições:

84’ Fernando por 77 Ilsinho (MCD);

89’ Luiz Adriano por 19 Ferreyra (PL);

90+1’ Taison por 10 Bernard (MAE);


Coletivo:

Saída de bola com os centrais a bombear a bola para as faixas laterais, nas costas da defesa contrária;

Posse de bola: 54%;


Variações táticas:

Taison na direita e Douglas Costa na esquerda;


Individual:

33 Srna (DD): Cobra os cantos do lado direito (pé direito) e livres diretos; Lateral muito ofensivo;

44 Rakitskiy (DCE): Cobra livres diretos (pé esquerdo);

13 Shevchuk (DE): Lateral muito ofensivo;

17 Fernando (MCD): Box-to-box;

3 Hübschman (MCE): Muito pressionante, reduzindo o espaço ao oponente direto (médio adversário mais criativo);

20 Douglas Costa (MAD): Cobra livres do lado esquerdo (cruzamentos para área), com o pé esquerdo; Flete da direita para o meio;

29 Alex Teixeira (MO): Principal organizador de jogo e criativo;

28 Taison (MAE): Flete da esquerda para o meio (destro); Acelera o jogo;

9 Luiz Adriano (PL): Móvel;

77 Ilsinho (MCD): Presença habitual no último terço do terreno;


Celtic (0-1 vs. Barcelona 01.10.2013)

Neil Lennon

Coletivo:

Raro o pontapé de baliza em que o Celtic saia a jogar. Geralmente o bloco sobe e a bola é bombeada para o raio de ação de Samaras.

Manobra ofensiva e defensiva em 4x4x2.

Defesa zonal em bolas paradas.


Individual:

Brown é um médio que gosta de morder os calcanhares; pressionante mais discreto, faz o tal trabalho invisível.

Matthews fecha bem o flanco direito.

Samaras alvo de futebol direto.